Os arquitetos japoneses da Tetsuo Kondo criaram a instalação abaixo para o Museu de Arte Contemporânea de Tóquio, em colaboração a um empresa de engenharia climática. A obra é composta por um ambiente com paredes transparentes e uma nuvem flutuante.

Visitantes tem a oportunidade de subir por uma escada no meio da instalação e experimentar a sensação de caminhar entre uma nuvem quase de verdade.

A nuvem foi criada e é mantida com o controle da umidade e da temperatura do cubo, em três estágios: clima frio e seco na parte inferior, morno e úmido no meio e quente e seco na parte superior.